15/01/2013

O que a imprensa quer torna-se "verdade"


O que é a verdade? Para a multidão é aquilo que continuadamente lê e ouve. Uma pequena gota perdida pode cair algures e reunir terreno para determinar "a verdade", mas o que obtém é apenas "a sua verdade". A outra, a verdade pública do momento, que é a única que interessa para resultados e sucessos no mundo dos factos, é, hoje em dia, um produto da imprensa. O que a imprensa quer torna-se "verdade". Os seus dirigentes evocam, transformam, permutam "verdades". Três semanas de trabalho da imprensa, e a "verdade" passa a ser reconhecida por toda a gente.

Oswald Spengler in «The Decline of the West».

3 comentários:

FireHead disse...

Já a propaganda nazi consistia em transformar mentiras em verdades através da repetição.

Quid est veritas?, perguntou Pôncio Pilatos.

Reaccionário disse...

Infelizmente, ao longo da História, muitos foram os que transformaram e continuam a transformar a mentira em verdade pela repetição.

A verdade é aquilo que é, e não aquilo que nós queremos que seja.

Unknown disse...

Nao foi Lenin que disse que uma mentira, muitas vezes dita, se transformava em verdade? Vejamos a verdadeira "injeccao" de falsidades que todos os dias nos entra em casa pela televisao, e pelos jornais. E ja la vao 38 anos...